MEDICAMENTOS VENCIDOS: UM PONTO FALHO DA ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA, SEGUNDO A POPULAÇÃO DE MIRACEMA, RJ

Stéphano Picanço Damian RESENDE, Cristiano Guilherme Alves de OLIVEIRA, Eduardo SHIMODA, Sérgio Henrique de Mattos MACHADO

Resumo


Nos últimos anos, a importância do profissional farmacêutico tem aumentada, se tornando fundamental para uma eficiente promoção, proteção e recuperação da saúde do paciente. Um dos principais motivos para a valorização da profissão foi a facilidade de aquisição de medicamentos pela população, o que levava os mesmos ao uso incorreto dos fármacos. A satisfação da população é um fator vital pra a determinação de qualidade do serviço farmacêutico. O objetivo do trabalho é identificar os pontos críticos das atividades farmacêuticas, assim tornando-os visíveis e com isso facilitando a melhora na atuação do farmacêutico. Para que o objetivo fosse visualizado, foram distribuídos 131 questionários a população de Miracema-RJ, que continham 12 itens sobre as atividades farmacêuticas para serem avaliados quanto à satisfação e importância. Através dessas avaliações foram obtidas as médias e os erros-padrão de cada item, como também o déficit de satisfação. Os dados foram apresentados em forma de gráfico, para uma melhor compreensão dos resultados. O principal gráfico do trabalho é o de quadrante, pois ele separa os pontos críticos as serem mudados. Esses pontos foram: prescrição farmacêutica; nebulização; descarte de medicamento vencido. O trabalho ajudará na analise critica com o intuito de melhoria nos serviços farmacêuticos, assim diminuindo o uso incorreto de medicamento.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2014 Acta Biomédica Brasiliensia

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Compartilhar igual 4.0 Internacional.