AVALIAÇÃO DAS PRESCRIÇÕES DE ANTIBIÓTICOS ENTRE OS DIFERENTES DISPENSÁRIOS FARMACÊUTICOS NO MUNICÍPIO DE NATIVIDADE-RJ

Amanda Vargas de FREITAS, Cristiano Guilherme Alves de OLIVEIRA, Luciana Oliveira Fumian Brasil

Resumo


O uso de antibióticos no ambiente hospitalar e comunitário requer atenção primordial, já que tais medicamentos são sujeitos a controle especial, com retenção de receita médica, constituindo uma classe farmacológica considerada restrita principalmente devido ao seu potencial uso indiscriminado por parte da população. O presente projeto de pesquisa teve como objetivo avaliar a dispensação de antimicrobianos em uma instituição hospitalar e em uma unidade comercial, comparando o tipo de antibiótico mais prescrito, a classe farmacológica pertencente e a especialidade médica de cada profissional prescritor. Para melhor entender o seguinte trabalho, foram coletados dados de prescrições médicas de antimicrobianos em dois diferentes estabelecimentos do município de Natividade-RJ, nos quais participaram desse estudo pacientes na faixa etária infantil, adulto e idosos presentes no momento da pesquisa, independente de cor, raça, religião e orientação sexual. Por meio dos resultados da referida pesquisa pôde-se observar uma diferença quanto à dispensação entre as duas unidades de saúde, tendo como perfil a saída de classes farmacológicas de antibióticos distintas, bem como a diferenciação quanto à especialidade do profissional prescritor.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18571/acbm.087

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Acta Biomédica Brasiliensia

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Compartilhar igual 4.0 Internacional.