ANÁLISE DA POTABILIDADE DE ÁGUA DE CHAFARIZES DE DOIS BAIRROS DO MUNICÍPIO DE FORTALEZA, CEARÁ

Antonia Diana Alves BEZERRA, Elcivania Rodrigues NOGUEIRA, Francisco Gabriel Dias Mota ARAÚJO, Maíra Gadelha Alves BRANDÃO, Bruno Edson CHAVES, Lydia Dayanne Maia PANTOJA

Resumo


Devido ao quadro de déficit hídrico, em algumas regiões do Brasil, especialmente no Nordeste, vem emergindo um evidente consumo de água procedente de fontes hídricas alternativas, entre elas o consumo de água originário de chafarizes. Essa ação é frequente em determinadas comunidades, entretanto, sua distribuição não costuma passar por tratamento. Dentro desse contexto, o presente trabalho objetivou analisar a potabilidade da água de chafarizes dos bairros Lagoa Redonda e Curió, município de Fortaleza-CE. Para tanto, foram analisados os parâmetros físico-químicos e bacteriológico de oito amostras coletadas, sendo seis do bairro Lagoa Redonda e duas do bairro Curió. Os parâmetros físico-químicos analisados foram: pH, cor, turbidez, alcalinidade total, dureza, cálcio, magnésio, cloretos, sódio, potássio, nitrito, nitrato, amônia, condutividade, ferro, sulfato e sólidos totais dissolvidos. Já as análises bacteriológicas foram realizadas para a determinação de Escherichia coli, utilizando-se a metodologia dos tubos múltiplos. Os resultados obtidos foram comparados com os padrões estabelecidos pela Portaria Nº 2.914, de 12 de dezembro de 2011 do Ministério da Saúde, e revelaram que 37,5% das amostras apresentaram pHs abaixo do recomendado, 25% estão com teores de nitrato acima do permitido e 62,5% das amostras apresentaram-se positivas para contaminação bacteriológica. Os demais parâmetros estão dentro dos padrões estabelecidos. Os resultados acima dos limites máximos revelaram a má qualidade sanitária de águas provenientes dos chafarizes monitorados, logo, o consumo dessas águas são potencias fontes de risco à saúde pública.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18571/acbm.119

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Acta Biomedica Brasiliensia

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.